Gnocchi da fortuna! É de batata doce!

Gnocchi da fortuna! É de batata doce!

Gnocchi da fortuna já é maravilhoso imagine, se você usar um carboidrato mais saudável no preparo? Riqueza e saúde, tudo de bom!!! Mas e a riqueza? De onde vem essa tradição?

Conta a história que São Pantaleão, em um dia 29 de dezembro, perambulava por um vilarejo na Itália vestido de andarilho. Faminto, procurou na casa de uma família a bondade de ofertar a ele um prato de comida. O casal que o recebeu, mesmo desconfiado, convidou-o para sentar-se à mesa com eles. A família era pobre e não tinha muito o que comer, apenas uma pequena quantidade de gnocchi que foi divida entre todos: sete para cada um.

São Pantaleão comeu, agradeceu a hospitalidade do casal e foi embora. Ao retirar a mesa o casal teve uma grande surpresa, sob o prato do santo havia várias moedas de ouro.

A partir dessa lenda, todo dia 29 é tradicionalmente o Dia do Gnocchi da Fortuna. Para quem quer fazer a simpatia é muito simples: coloque uma nota de qualquer valor embaixo do prato de gnocchi, mas, a maioria das pessoas prefere uma nota de um dólar, o que anda meio raro hoje em dia! Em seguida fique de pé e coma sete gnocchi, um a um, fazendo um pedido a cada gnocchi que você comer.

12048577_1071056962905769_1145653592_n

Agora que a gente já sabe da tradição vamos preparar o Gnocchi!

Ingredientes para o Gnocchi da fortuna:

1 k de batatas doce (eu gosto da rosa)

2 gemas

1/2 k de farinha de trigo

sal

noz moscada

Modo de preparo de Gnocchi da Fortuna

Cozinhe a batata doce do modo que preferir. Pode ser na panela de pressão ou como eu acho melhor, cortada em rodelas e cozida no vapor. Leva de 15 a 20 minutos. Na pressão, conte 8 minutos depois que a pressão subir.

Retire, descasque e passe pelo espremedor. Deixe esfriar bem. Quando estou com pressa, coloco um pouco no freezer, mas não muito quente. Adicione as gemas, a noz moscada e o sal a gosto e depois vá despejando o trigo aos poucos, se necessário pode usar um pouco mais, a massa deve desgrudar das mãos. Depois faça bolinhos finos e compridos e com a faca corte em formato gnocchi.

Numa panela grande coloque água até a metade, deixe ferver, depois coloque os gnocchis cerca de dez ou doze unidades e espera que elas subam e fluem, nessa hora é só retirar com uma escumadeira, levar a escorredor e depois colocar na vasilha onde será servido, coloque sempre um fiozinho de azeite para garantir que as bolinhas não fiquem grudadas. Vá repetindo a operação até o fim da massa. Eu gosto de colocar duas panelas com água no fogo, o processo fica mais rápido.

Depois é só preparar  o molho, veja como.

2 latas de tomates pelados

sal

pimenta

azeite

1 colher de sobremesa de açúcar

1 cebola pequena batidinha

folhas de manjericão

Modo de preparo do molho de tomate:

Numa panela aqueça o azeite refogue a cebola, coloque o açúcar, mexa bem, deixe a cebola ficar transparente, coloque o manjericão batidinho, despeje o molho e os tomates pelados. Deixe ferver para apurar. Abaixe o fogo. Coloque água quente, use a medida da lata do tomate pelado. Acerte o sal coloque pimenta do reino e deixe ferver até ficar sem acidez e saboroso, prefira o fogo baixo.

Coloque o molho sobre o Gnocchi, espalhe queijo parmesão e leve ao forno preaquecido por 15 minutos. Sirva quentinho, mas lembre-se: Não se esqueça da nota embaixo do prato, afinal, fortuna nunca é demais!!!

12081487_1071057092905756_1535703059_n

 

Autor

Marilucy Cardoso

Marilucy Cardoso

Jornalista, mãe, canceriana, nascida em 1973, cheia de histórias para contar e suja algumas panelas nas horas vagas.

Relacionado

Comentários

Nenhum Comentário

Você pode ser o primeiro a comentar este post!

Deixe o seu comentário